Feeds:
Posts
Comentários

Posts Tagged ‘fotógrafo profissional’

Unknown

O projeto Bass Culture Clash, é um grande intercâmbio cultural realizado pela Bahia e por Londres. O principal objetivo é criar oportunidades e apresentar os talentos do Reino Unido no mercado musical brasileiro e os talentos brasileiros no mercado inglês.

O evento acontecerá no período de 10 a 18 de maio, com shows e workshops nas cidades de Ilhéus nos dias 9 e 10, em seguida em Salvador nos dias 11 e 12  e termina em Londres de 16 a 18 de maio.

Contará com a participação de grandes referências musicais, dentre eles: “The Heatwave”, que apresentará a sua festa ao lado de “MC Lady Chann”, a artista “Natty”, revelação da nova música londrina. E da Bahia teremos: “OQuadro”, banda natural de Ilhéus e um dos mais antigos grupos de hip hop do estado e a banda “Os Nelsons” que vem da cidade de Paulo Afonso.

 

Anúncios

Read Full Post »

Brasileiros premiados, Alex Atala e Joaquim Barbosa  Foto: Getty Images

Brasileiros premiados, Alex Atala e Joaquim Barbosa

Foto: Getty Images

O presidente do Supremo Tribunal Federal, Joaquim Barbosa, foi homenageado pela Revista Time em Nova York, Estados Unidos.  A revista realizou a festa para homenagear as 100 pessoas mais influentes no mundo em 2012.

Considerado o jurista mais popular do Brasil, afirmou que a homenagem era uma honra não só para ele, como também para o Supremo Tribunal Federal (STF) e o País.

Primeiro afrodescendente a presidir a corte constitucional brasileira, teve um papel muito importante no julgamento do esquema do mensalão. Nascido em 7 de outubro de 1954 em Paracatu, Minas Gerais, Barbosa foi apontado no texto da Time, na categoria “pioneiros”, escrito por Sarah Cleveland, professora da Faculdade de Direito da Universidade Columbia, como “promessa de um novo Brasil comprometido com o multiculturalismo e a igualdade”.

Read Full Post »

semimarkdigital_interna

Seminário que acontece dia 22 de abril das 14:00 as 18:00 em Salvador, conta com a participação de Kumi Rauf, criador da fan page que tem mais de seis milhões de fãs “I Love being black” (Eu amo ser negro/a).

Kumi Rauf, é considerado um dos maiores empreendedores negros da internet. Ele contará experiências da sua tragetória e as técnicas adotadas para que sua fan page tivesse êxito.

O evento é aberto ao público e será realizado no Conselho de Cultura (anexo ao Palácio da Aclamação), na avenida Sete de Setembro, Centro, terá ainda palestras da idealizadora da cooperativa Arte e Gênero, Rose Rozendo, e do coordenador do MBA em Mídias Sociais da Faculdade Batista Brasileira (FBB), Marcello Chamusca.

Read Full Post »

fotos-g-bab_page_067

É nesta quinta-feira, dia 31 de Janeiro, a gravação do DVD do Ilê Aiyê. O show acontecerá na Concha Acústica do Tatro Castro Alves e contará com a participação de convidados especiais: Daniela Mercury, que vai cantar seu sucesso ‘Ilê Pérola Negra’, além de Carlinhos Brown, Margareth Menezes, Beto Jamaica, Lazinho (Olodum) e Barabadá.

 

O bloco afro estará comemorando a chegada do seus 40 anos, com a gravação do “DVD Ilê Aiyê – Bonito de se ver” que trará em seu repertório músicas antigas, dos anos 80, como “Que Bloco é esse”, “Deusa do Ébano” e “Depois que o Ilê Passar”, entre outras. E também as novas canções, como “Negra Perfumada”.

 

Vale a pena conferir.

Read Full Post »

Secretário Calendário

Com o objetivo de apresentar o projeto de criação de um calendário, um filme e um livro baseado na história da “Revolta dos Búzios”, o cineasta Antônio Olavo esteve na Secretaria de Promoção da Igualdade Racial (Sepromi), na última quinta-feira, dia 21 de julho, em reunião com o secretário Elias de Oliveira Sampaio.

Com mais de seis anos de pesquisa sobre o acontecimento histórico, que também ficou conhecido como “Revolta dos Alfaiates”, Olavo comentou que nesses 35 anos de profissão, suas obras sempre foram alicerçadas nas vivências do povo negro. “Meu trabalho sempre faz um recorte na história negra e popular. É fundamental você conhecer sua trajetória de luta por liberdade, independência e justiça”.

“Vale ressaltar o recente gesto grandioso da presidenta Dilma Rousseff que sancionou a Lei 12.391 determinando a inscrição no Livro dos Heróis Nacionais dos nomes desses quatro mártires da Revolta dos Búzios (João de Deus, Lucas Dantas, Manuel Faustino e Luís Gonzaga), que passaram então a integrar o Panteão dos Heróis Nacionais”, foi com essas palavras que diretor de cinema enalteceu o fato que ocorreu no início deste ano, no dia 4 de março de 2011.

A pesquisa aprofundada dos acontecimentos históricos relacionados à comunidade negra sempre nortearam o documentarista baiano que já dirigiu os seguintes filmes: Paixão e guerra no sertão de Canudos (1993), Quilombos da Bahia (2004) e Abdias do Nascimento memória negra (2008).

“O legado do trabalho de Olavo é incomensuravelmente representativo, pois é necessário que a sociedade civil tenha conhecimento da nossa história, contribuindo assim, para a construção de uma política de promoção da igualdade racial mais eficaz”, salientou Elias.

Fonte: Ascom Sepromi

Read Full Post »

Secretaria de Políticas de Promoção da Igualdade Racial – SEPPIR e Imprensa Nacional realizam atividades para marcar os 172 anos de nascimento do maior escritor brasileiro, fundador e primeiro presidente da Academia Brasileira de Letras.

As homenagens a Machado de Assis inauguram a adesão da Imprensa Nacional à campanha Igualdade Racial é pra Valer, lançada pela SEPPIR, no âmbito do Ano Internacional dos Afrodescendentes, com a perspectiva de ampliação das ações pela igualdade racial no Brasil. A programação consta de reabertura da Sala de Leitura que leva o nome do escritor – considerado o maior de todos os tempos entre os brasileiros -, exibição de filmes baseados em obras machadianas: Dom Casmurro e Memórias Póstumas de Brás Cubas, e um ato solene de consolidação da parceria entre os dois órgãos públicos.

Toda a programação ocorrerá na sede da Imprensa Nacional, órgão onde Machado de Assis trabalhou no início de sua vida profissional, que fica no Setor das Indústrias Gráficas, no bairro do Cruzeiro em Brasília. As sessões de cinema acontecem no Auditório Carlos Mota, sempre às 12h30, sendo que Dom Casmurro será exibido amanhã (22) e Memórias Póstumas de Brás Cubas na sexta-feira (24). Na tarde de hoje (21), durante solenidade intitulada Sarau Brás Cubas, a ministra da Igualdade Racial, Luiza Bairros, fará a doação da Coleção História Geral da África para a Sala de Leitura Machado de Assis. Trata-se de uma coletânea com oito volumes, editada pela Unesco em parceria com o Ministério da Educação (MEC) para subsidiar a implementação da Lei 10.639/2003, que dispõe sobre o ensino da história e da cultura africana e afro-brasileira nas escolas.
“Promover a igualdade racial não é responsabilidade só do movimento negro ou do estado brasileiro, mas de todos. A responsabilidade é coletiva, todos devem sentir-se motivados a realizar ações, por menores que sejam, em prol do país que queremos, um Brasil sem pobreza e sem discriminação”, declara a ministra, destacando a importância de dar visibilidade à obra e história de Machado de Assis, que é considerado um dos grandes gênios da história da literatura.
As homenagens a Machado de Assis correspondem a um dos objetivos da SEPPIR de promover o reconhecimento e a valorização de personalidades negras, da história e cultura negra em suas formas de existência e resistência. Por outro lado, o fortalecimento da campanha Igualdade Racial é pra Valer converge para a meta de consolidar 2011 como o Ano Internacional dos Afrodescendentes no Brasil, a partir de uma ampla convocação a setores e segmentos do estado e da sociedade civil, para a proposição e implementação de ações pela promoção da igualdade racial. Vários parceiros têm sido mobilizados nesse sentido, a exemplo da Polícia Federal, Federação Brasileira de Bancos (Febraban), Governo do Rio de Janeiro, Ministério da Cultura, através do Instituto do Patrimônio Artístico Nacional (Iphan).

Read Full Post »

Por Joceline Gomes

Invernada dos Negros é o nome dos campos e pinhais doados por um fazendeiro aos seus escravos em 1877. É também o nome do projeto vencedor do I Prêmio Nacional de Expressões Culturais Afro-brasileiras, realizado pela Fundação Cultural Palmares, que viabilizou a estruturação de um grande acervo de imagens documentais e rituais dos herdeiros de uma terra e de uma história singulares do sul do Brasil.

No território de Campos Novos, Santa Catarina, um reduto de afrodescendentes mantém viva a memória de escravos herdeiros de uma antiga fazenda do planalto catarinense. O lugar chama-se Corredeira, mas, na tradição oral dos moradores da região, ainda é a Invernada dos Negros, território disputado e retalhado, ao longo de três gerações, por interesses econômicos.

Despossuídos e dispersos, os herdeiros da Invernada atravessaram um século no anonimato, até alcançarem, recentemente, o reconhecimento de sua herança e identidade. O projeto é de autoria do roteirista e diretor de cinema André Costantin e do fotógrafo profissional e montador cinematográfico Daniel Herrera. Os registros em fotografia e vídeos serão expostos de 22 de outubro a 05 de novembro, em Campos Novos, Santa Catarina.

A instalação de imagens é composta por 35 fotografias em preto e branco, com projeção simultânea de um filme documentário. Além do ambiente da mostra, foi produzido um conjunto de peças gráficas: uma série de sete retratos em cartões postais; um catálogo de 32 páginas com imagens da Invernada; cartazes de divulgação e site do projeto

 

Read Full Post »